Paróquia de São Vicente de Paulo

Curso Bíblico: Gênesis – 14ª Semana

 

PARÓQUIA DE SÃO VICENTE DE PAULO
3ª URGÊNCIA DA AÇÃO EVANGELIZADORA
IGREJA, LUGAR DE ANIMAÇÃO BÍBLICA E VIDA PASTORAL
ESTUDO BÍBLICO CAPÍTULO POR CAPÍTULO

Objetivo – Fazer com que as nossas comunidades leiam, conheçam e ponham em prática a palavra de Deus.

GÊNESIS – 20, 1-18 – FOLHETO – 14

INTRODUÇÃO – Estimados estudantes da Teologia Bíblica, já notaram que, na introdução de cada folheto, estamos vendo algo importante, que é a introdução à Bíblia, e, em forma de síntese, apresentamos qual vai ser o conteúdo do capítulo a ser estudado? Mesmo àqueles que têm um conhecimento profundo da Bíblia, não faz mal lembrar como essa biblioteca de Deus se originou e o que ela tem a nos dizer.


Na Igreja, veneramos extremamente as Sagradas Escrituras. Apesar de a fé cristã não ser uma “religião do livro”, o Cristianismo é a “religião da palavra de Deus”, não de uma palavra escrita e muda, mas do verbo encarnado e vivo (cf. Verbum Domini – Bento XVI – 7)

É de São Jerônimo, o grande tradutor dos Livros Santos, a célebre frase:”Ignorar a Sagrada Escritura é ignorar o próprio Cristo”. Portanto, o conhecimento e o amor às Escrituras decorrem do conhecimento e do amor que todos devemos a Nosso Senhor. O ponto central da Bíblia, convergência de todas as profecias, é Jesus Cristo. O Antigo Testamento é preparação para sua vinda e o Novo Testamento, a realização de seu Reino. “O Novo estava latente no Antigo e o Antigo se esclarece no Novo” (Santo Agostinho).

O capítulo 20 de Gênesis é uma duplicata de Gênesis 12,10-20. Encontramos aqui outra narrativa sobre a violência contra a mulher nas cidades. Apresenta Deus/Elohim protegendo Sara através de sonhos, e Abraão como profeta poderoso intercessor.

ESTUDO DO GÊNESIS 20,1-18 (leiam o texto)

Neste capítulo, encontramos a repetição de um pecado de Abraão e Sara, cometido pela primeira vez no Egito. Novamente, eles resolveram mentir. Abraão e Sara partem para a terra de Neguebe, habitam entre Cades e Sur, fixando-se em Gerara.

Ali Abraão pede a Sara que negue novamente que é sua esposa. Para quê?Para que ele não corra o risco de morrer. O relato é um pouco diferente do capítulo 12, onde a beleza de Sara foi o motivo de o Faraó desejá-la para si. Aqui não se fala de sua beleza, e podemos supor que Abimeleque a desejava como esposa pelas posses e riquezas que ela possuía. Então, mesmo se passando por irmão de Sara, Abraão ainda corria perigo.

Mais uma vez, Abraão deixa de confiar no Senhor e prefere mentir para escapar do perigo. Aliás, este foi um acordo entre Abraão e Sara. Diziam que eram irmãos. Essa era uma clara demonstração da fé vacilante. É fato que também revelamos a nossa falta de fé de outras formas, mas Abraão repetiu aqui o mesmo pecado pela qual havia sofrido sérias consequências.

Abimeleque, rei de Gerara, sem que soubesse da mentira, mandou levar Sara para o seu palácio. Outra vez Deus teve que intervir avisando ao rei que não deveria desposá-la; ao invés disso, deveria restituir Sara a Abraão, que era profeta e intercederia por ele, livrando-o da morte. O rei, então, fez com que Sara voltasse para Abraão sem qualquer prejuízo moral.

Depois que Abimeleque recebeu o aviso divino e anunciou aos seus servos o ocorrido, chamou Abraão e questionou severamente: Que estavas pensando para fazer tal coisa? (versículo 11) Abraão tentou  desculpar-se e, no versículo 12, disse que Sara era de fato sua irmã.

Em nossa vida, como nesse caso, temos cometido os mesmos pecados repetidas vezes. Abraão e Sara viveram durante muito tempo com aquele pecado da mentira, porque foi um acordo que fizeram quando saíram de Ur, na Caldeia.

Mas depois do episódio deprimente, depois de ser questionado por Abimeleque, é possível que eles tenham se arrependido definitivamente, porque foi após esta terrível experiência que Deus cumpriu  sua promessa e Sara deu à luz seu filho Isaque. Certamente, se o povo de Deus abandonasse seus pecados, Deus enviaria sua graça e perdão sobre toda a humanidade.

O texto termina mostrando, nos versículos de 14 a 18, que Abimeleque teve três atitudes dignas: a) tomar ovelhas, bois e servos e servas e os dar a Abraão; b) oferecer a terra para que Abraão escolhesse onde queria morar; dar ainda, a Abraão, como compensação por tudo o que Sara tinha sofrido, mil ciclos de prata.

E Abraão, por sua vez, orou por Abimeleque, que foi curado por Deus, assim como sua esposa e suas servas, que se tornaram férteis e puderam gerar filhos. Foi um final feliz para mais uma situação que se iniciou com mentiras. O nosso Deus é grandioso em misericórdia e graça. O nosso Deus é perdoador e sempre age em nosso favor!

Temos que fixar essas lições. Apesar de ser temente a Deus, Ló se descuidou muito. Preferiu o conforto da cidade à preservação e segurança espiritual de sua família. Essa é uma advertência a todos nós. As filhas de Ló foram incrédulas e, ao invés de esperarem pela ação divina, se precipitaram cometendo um pecado grosseiro. Essa é uma lição que não deve ser seguida. E, apesar de Abraão ser chamado por Deus e estar sendo forjado em seu caráter, sempre teve altos e baixos em sua vida de fé.

Muitas vezes, diante de oportunidades incorretas, vamos transgredindo neste ou naquele ponto, sem percebermos os riscos para a integridade moral da família. Infelizmente, algumas pessoas até dizem que o pecado é só uma questão de conceito. Que possamos andar corretamente, sempre para o louvor, honra e glória de Deus.


EXERCÍCIO

1 De acordo com este folheto, o que disse o Papa Bento XVI, na Verbum Domini sobre a Biblia ?

2 E o que disseram São Gerônimo e Santo Agostinho sobre o mesmo?

3 Que paralelo você faz de Gênesis 12,10-20 e Gênesis 20,1-18?

4 Por que Abraão pede para Sara mentir, dizendo que ela não é sua esposa?

5 Quem é Abimeleque?

6 Quais foram as atitudes dignas deAbimeleque?

                        
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS DE APROFUNDAMENTO


● Bíblia de Jerusalém
● Storniolo, Ivo – Balancin E., Como ler o Livro do Gênesis, São Paulo: Paulus 1991
● Bergant, D. – Karris.R, The Collegeville Bible Commentary.Minnesota: EUA - 1989 
●Deisseler, Alfons., O anúncio do Antigo Testamento, São Paulo: Paulus 1984
●Ravasi, Gianfranco., A narrativa do Céu – As histórias, as ideias e os personagens do Antigo Testamento, São Paulo: Paulinas 1999
●Bright, John., História de Israel, São Paulo: Paulus 2000
●Pierre, Grelet., Homme qui es tu ? Les onze premiers chapitres de la Génèse, Paris; Cerf 1973.
●Drolet, Gilles., Compredre l’Ancien Testament, Canadá 2006
●São Gerônimo., Antigo Testamento, São Paulo: Paulus 2011
●Anotações do Pe. Neto

ELABORAÇÃO – Pe. Raimundo Nonato de Oliveira Neto – Pároco da Paróquia de São Vicente de Paulo e Especialista em Teologia Bíblica pela Union Theological Seminary, Nova York– E.U. A- 1993 e pelo Centro Biblico  Verbo – São Paulo – 2007 -2008.

 

Mensagem

...Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento.

Este é o primeiro e grande mandamento.

E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo...

Eventos